top of page
pea - banner - site -2.png
  • Foto do escritorTudo Sobre Pós-graduação

Como fazer fichamento de artigos e livros

O fichamento é uma técnica de estudo que envolve a seleção, organização e registro de informações relevantes provenientes de uma determinada fonte, como livros, artigos, textos ou documentos. Essa prática tem como objetivo principal resumir e condensar o conteúdo de maneira que o estudante possa compreendê-lo de forma mais clara e rápida, facilitando a revisão e a assimilação do conhecimento.


Existem diferentes tipos de fichamento, cada um com uma abordagem específica, mas todos compartilham a ideia central de extrair e registrar informações importantes para fins de estudo e pesquisa.


Importância do Fichamento

O fichamento desempenha um papel crucial no processo de aprendizado e pesquisa, oferecendo várias vantagens para estudantes, pesquisadores e acadêmicos. Algumas das principais razões pelas quais o fichamento é importante incluem:


  1. Organização do Conhecimento: O fichamento ajuda na organização e estruturação das informações. Ao resumir e categorizar os principais pontos de um texto, os estudantes conseguem criar uma visão mais clara e organizada do conteúdo, facilitando a compreensão e a revisão posterior.

  2. Desenvolvimento da Síntese: A prática do fichamento promove o desenvolvimento da habilidade de síntese, que é fundamental no processo educacional. Resumir conceitos complexos de maneira concisa e compreensível é uma habilidade valiosa em qualquer campo de estudo.

  3. Facilitação da Revisão: O fichamento é uma ferramenta eficaz para revisar rapidamente o material estudado. Os registros organizados permitem que os estudantes revisitem conceitos importantes de maneira mais eficiente, o que é especialmente útil durante períodos de exames.

  4. Preparação para Trabalhos Acadêmicos: Ao fichar informações relevantes, os estudantes acumulam recursos úteis para a produção de trabalhos acadêmicos, como monografias, artigos e ensaios. Isso economiza tempo durante a fase de pesquisa e contribui para a qualidade dos trabalhos finais.

  5. Aprimoramento da Análise Crítica: O fichamento não se limita apenas a resumir informações; também pode incluir comentários e análises críticas. Essa prática incentiva os estudantes a desenvolverem uma abordagem mais crítica em relação ao material, questionando e refletindo sobre os argumentos apresentados.

  6. Memorização e Retenção de Informações: Ao envolver-se ativamente com o conteúdo durante o processo de fichamento, os estudantes aumentam suas chances de memorizar e reter informações importantes, contribuindo para uma compreensão mais profunda do assunto.

  7. Facilidade na Consulta de Referências: O fichamento fornece um sistema de referência rápida para consultas futuras. Quando os estudantes precisam recuperar informações sobre um determinado tópico, podem recorrer aos seus fichamentos para encontrar rapidamente as fontes relevantes.


Fichamento de Livros

Exemplos de Fichamentos

Existem diversos tipos de fichamento, cada um com uma abordagem específica para atender às diferentes necessidades de estudo e pesquisa. Abaixo, destaco alguns dos tipos mais comuns:


Fichamento Bibliográfico:

  • Objetivo: Descrever a obra, destacando informações bibliográficas como autor, título, ano de publicação, editora, entre outros.

  • Conteúdo: Inclui uma síntese das principais ideias e argumentos do texto, contextualizando a obra dentro do tema em questão.

  • Passos:

  1. Identifique as informações bibliográficas: autor, título, ano de publicação, editora, etc.

  2. Leia o texto cuidadosamente, destacando as principais ideias e conceitos.

  3. Organize essas ideias de forma a compor um resumo que contextualize a obra dentro do tema abordado.

Fichamento de Citações:

  • Objetivo: Registrar citações diretas relevantes do texto original para uso posterior em trabalhos acadêmicos.

  • Conteúdo: Inclui trechos específicos do texto, acompanhados de referências precisas, para documentar as fontes de informação.

  • Passos:

  1. Leia o texto e identifique citações relevantes.

  2. Transcreva as citações exatamente como aparecem no texto original.

  3. Inclua informações bibliográficas, como autor, título e página da citação.

Fichamento de Resumo:

  • Objetivo: Resumir as ideias centrais do texto, destacando os principais conceitos, argumentos e conclusões.

  • Conteúdo: Apresenta uma visão geral do conteúdo, sem necessariamente reproduzir as palavras do autor. Pode incluir comentários do fichador.

  • Passos:

  1. Leia o texto e destaque as ideias principais.

  2. Escreva um resumo conciso, abordando os conceitos essenciais do texto.

  3. Evite copiar textualmente; reformule as ideias com suas palavras.

Fichamento de Esquema ou Sistemático:

  • Objetivo: Organizar as informações de forma esquemática, destacando a estrutura lógica do texto.

  • Conteúdo: Utiliza tópicos, sub-tópicos, diagramas ou outras formas de representação gráfica para resumir e organizar as ideias do texto.

  • Passos:

  1. Identifique a estrutura lógica do texto, incluindo tópicos principais e sub-tópicos.

  2. Crie um esquema visual ou uma lista hierárquica para representar essa estrutura.

  3. Inclua palavras-chave ou frases que resumam cada seção.

Fichamento de Comentário ou Crítico:

  • Objetivo: Incluir análises pessoais, críticas e opiniões sobre o conteúdo do texto.

  • Conteúdo: Além do resumo das informações, o fichador adiciona seus próprios insights, críticas construtivas ou reflexões sobre o material.

  • Passos:

  1. Faça um fichamento de resumo.

  2. Acrescente comentários pessoais sobre o que você concorda, discorda ou acha significativo.

  3. Destaque aspectos que considera fortes ou fracos, adicionando suas próprias observações críticas.

Fichamento de Leitura:

  • Objetivo: Registrar impressões, sentimentos e reações pessoais durante a leitura.

  • Conteúdo: Inclui observações subjetivas, destacando partes do texto que causaram impacto emocional ou intelectual.

  • Passos:

  1. Enquanto lê, anote reações emocionais, dúvidas ou reflexões pessoais.

  2. Expresse suas impressões sobre o estilo do autor, a clareza do texto ou qualquer outro aspecto que chame sua atenção.

  3. Mantenha um tom mais informal, refletindo sua experiência subjetiva.

Fichamento de Documentário ou Audiovisual:

  • Objetivo: Registrar informações relevantes obtidas a partir de documentários, vídeos ou outros recursos audiovisuais.

  • Conteúdo: Pode incluir transcrições de falas importantes, resumos de cenas e observações sobre o conteúdo visual.

  • Passos:

  1. Assista ao documentário ou vídeo atentamente, tomando notas de informações relevantes.

  2. Transcreva falas importantes, destaque cenas cruciais e anote observações visuais.

  3. Organize as informações de maneira lógica, adicionando seus comentários e reflexões.


A escolha do tipo de fichamento dependerá dos objetivos específicos do estudante ou pesquisador, bem como das características do material que está sendo estudado. Combinações de tipos de fichamento também podem ser utilizadas, dependendo das necessidades do indivíduo e das exigências do projeto de estudo.


Diferenças entre fichamento, resumo e resenha

O fichamento, o resumo e a resenha emergem como técnicas distintas no âmbito acadêmico, cada uma desempenhando um papel específico na abordagem e apresentação de informações.


Vamos explorar as diferenças entre essas três formas de documentação acadêmica:


destacando um texto

O fichamento, com seu objetivo central de organizar e estruturar informações para referência futura, adota um formato flexível que pode incorporar dados bibliográficos, citações, resumos, esquemas e análises críticas. Sua ênfase recai na organização do conhecimento, facilitando a revisão eficiente e o acesso rápido às informações quando necessário.


No espectro das técnicas, o resumo se destaca pela sua habilidade de sintetizar o conteúdo principal de uma obra ou texto. Apresentando uma versão concisa e abreviada do material original, o resumo mantém a estrutura lógica e as ideias fundamentais. Seu enfoque reside na priorização da redução do texto original, destacando pontos cruciais e eliminando detalhes desnecessários.


Por sua vez, a resenha assume uma abordagem mais abrangente, almejando analisar, avaliar e apresentar uma apreciação crítica de uma obra. Sua estrutura combina elementos de resumo e crítica, fornecendo uma síntese do conteúdo juntamente com uma avaliação pessoal ou crítica do autor. Aqui, o enfoque transcende a simples informação, buscando expressar uma opinião fundamentada sobre a qualidade e relevância da obra em questão.


Principais Diferenças:

  • Fichamento vs. Resumo:

  • O fichamento é mais abrangente e pode incluir uma variedade de elementos, como citações, esquemas e análises críticas, visando à organização do conhecimento.

  • O resumo, por outro lado, se concentra principalmente na redução do conteúdo original, apresentando uma versão mais concisa e acessível.

  • Resumo vs. Resenha:

  • O resumo destaca os pontos essenciais do texto original de maneira objetiva, sem aprofundamento crítico.

  • A resenha vai além do resumo, incluindo uma avaliação pessoal ou crítica da obra, expressando opiniões fundamentadas sobre a qualidade e relevância do material.

  • Fichamento vs. Resenha:

  • Enquanto o fichamento se concentra na organização do conhecimento para futura referência, a resenha visa apresentar uma análise crítica da obra, muitas vezes com uma opinião pessoal expressa pelo autor da resenha.

Essas distinções são importantes para escolher a abordagem mais adequada ao objetivo específico, seja para organizar informações, criar um resumo objetivo ou apresentar uma análise crítica.


Vantagens do Fichamento

O fichamento, como técnica de estudo, oferece uma série de vantagens que se traduzem em benefícios tangíveis para estudantes, pesquisadores e acadêmicos. Uma das principais vantagens é a organização eficiente do conhecimento. Ao resumir e categorizar informações relevantes de diversas fontes, o fichamento proporciona uma visão estruturada e clara do conteúdo estudado, facilitando assim a assimilação das ideias.


Além disso, a prática regular de fichamento contribui para o desenvolvimento da habilidade de síntese. A capacidade de condensar informações complexas de maneira concisa não apenas aprimora a compreensão do material, mas também facilita a revisão eficaz durante períodos de exames. Os fichamentos se tornam, assim, aliados valiosos na preparação para avaliações acadêmicas.


Outro benefício importante é a eficiência na produção de trabalhos acadêmicos. Ao realizar fichamentos ao longo do estudo, os estudantes acumulam um conjunto organizado de ideias e referências, tornando a fase de pesquisa mais eficiente e facilitando a produção de ensaios, monografias e artigos. Essa praticidade se traduz em economia de tempo e, consequentemente, em trabalhos mais robustos e bem fundamentados.


O fichamento não se limita à simples coleta de informações; ele também promove o aprimoramento da análise crítica. A inclusão de comentários pessoais e reflexões sobre o material lido estimula a capacidade de avaliação crítica, fornecendo uma abordagem mais profunda e reflexiva sobre o conteúdo estudado.


A prática do fichamento contribui, ainda, para a memorização e retenção de informações. O envolvimento ativo durante o processo de fichamento aumenta significativamente a capacidade de recordar detalhes importantes, enriquecendo o aprendizado e aprofundando o entendimento dos tópicos estudados.


Por fim, os fichamentos servem como uma referência rápida e eficiente para consultas futuras. Ao necessitar de informações específicas sobre um determinado tópico, os estudantes podem recorrer aos seus fichamentos, agilizando a busca e proporcionando uma base sólida para futuras investigações.


Assim, ao incorporar o fichamento em suas práticas de estudo, os indivíduos não apenas organizam melhor seu conhecimento, mas também desenvolvem habilidades críticas, aprimoram a eficiência nos estudos e constroem uma base sólida para o aprendizado contínuo ao longo de suas trajetórias acadêmicas e profissionais.


Dicas Úteis para Melhorar o seu Fichamento

Aprimorar a prática de fichamento é uma maneira eficaz de potencializar seus estudos e maximizar o aproveitamento do material lido. Aqui estão algumas dicas valiosas para aprimorar seus fichamentos e tornar essa técnica de estudo mais eficiente e proveitosa.


FICHAMENTO DIGITAL DE ARTIGOS E LIVROS.

Em primeiro lugar, ao iniciar um novo fichamento, é essencial realizar uma leitura atenta e compreensiva do material. Entenda o contexto, identifique as ideias-chave e esteja ciente dos objetivos específicos para o fichamento em questão. Essa abordagem preparatória facilitará a seleção de informações relevantes durante o processo de fichamento.


Defina claramente seus objetivos ao realizar um fichamento. Decida se o foco será em resumir o conteúdo, coletar citações para trabalhos futuros, organizar esquemas ou incorporar análises críticas.

Ter uma meta definida ajuda a direcionar sua abordagem e a otimizar o tempo dedicado ao fichamento


Mantenha uma estrutura organizada para seus fichamentos. Use categorias ou tópicos que se alinhem ao conteúdo do material estudado. Isso não apenas facilita a localização rápida de informações quando necessário, mas também contribui para uma visão mais clara e sistêmica do assunto.


Ao escolher as informações a serem fichadas, seja seletivo. Priorize dados relevantes e significativos para seus objetivos de estudo. Evite a tentação de fichar excessivamente, pois isso pode dificultar a revisão e a assimilação eficaz das informações.


Pratique a síntese e a paráfrase durante o processo de fichamento. Em vez de copiar diretamente do texto original, reformule as ideias usando suas próprias palavras. Essa prática não apenas reforça o entendimento do conteúdo, mas também desenvolve suas habilidades de expressão escrita. Considere o uso de cores, sublinhados ou destaques para chamar a atenção para informações importantes. Essa técnica visual pode facilitar a revisão e destacar pontos-chave em seus fichamentos.


Não se esqueça de registrar corretamente as fontes. Anote detalhes como autor, título, ano e outras informações relevantes para garantir uma referência precisa no futuro. Isso é crucial para a integridade acadêmica e a evitação de plágio.


Reveja regularmente seus fichamentos para reforçar a memorização e manter os conceitos frescos em sua mente. A revisão periódica é essencial para consolidar o conhecimento e garantir uma compreensão duradoura.


Considere o uso de ferramentas digitais para fichar, como aplicativos de anotações ou software de gestão de referências. Essas ferramentas podem simplificar o processo de organização e acesso aos seus fichamentos, especialmente se você estiver lidando com grandes volumes de informações.


Experimente diferentes tipos de fichamento para diferentes situações. Use fichamento bibliográfico para uma visão geral, fichamento de citações para coletar material específico e fichamento crítico para incorporar suas próprias análises e reflexões.


Por fim, se possível, compartilhe seus fichamentos com professores ou colegas para obter feedback construtivo. Trocar ideias e perspectivas pode enriquecer sua abordagem ao fichamento e proporcionar insights valiosos.


Lembrando que, assim como qualquer habilidade, a prática constante é fundamental para aprimorar seus fichamentos ao longo do tempo. Ao implementar essas dicas, você estará investindo no desenvolvimento de uma ferramenta poderosa para a organização do conhecimento e o sucesso acadêmico.


Normas da ABNT para Fichamentos

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) não tem normas específicas para a elaboração de fichamentos. No entanto, alguns princípios gerais de formatação e estruturação de documentos acadêmicos podem ser aplicados ao criar fichamentos.


Lembre-se, fichamentos muitas vezes são documentos de cunho mais pessoal e podem variar em formato e estrutura com base nas preferências do estudante ou pesquisador.


Então, ao criar um fichamento, você tem certa flexibilidade para adaptar a estrutura de acordo com suas necessidades e preferências. No entanto, mesmo que seja um documento mais pessoal, é sempre aconselhável manter alguma organização e consistência para facilitar a revisão e a referência futura.


Considerações Finais Sobre o Uso de Fichamentos

Em síntese, o fichamento emerge como uma ferramenta crucial no contexto acadêmico, oferecendo benefícios significativos que transcendem simplesmente a organização de informações. Ao resumir, analisar e categorizar o conhecimento, o fichamento proporciona uma visão sistêmica e estruturada do material estudado, facilitando assim a compreensão e revisão eficientes.


A importância do fichamento vai além da mera preparação para avaliações. Esta prática se revela como um catalisador do desenvolvimento acadêmico, estimulando a habilidade de síntese, aprimorando a análise crítica e fortalecendo a capacidade de organização. A estruturação ordenada de ideias, realizada durante o processo de fichamento, não apenas otimiza a produção de trabalhos acadêmicos, mas também instiga uma compreensão mais profunda e duradoura dos tópicos abordados.


Além do ambiente acadêmico formal, o fichamento estende seu valor para o aprendizado contínuo ao longo da vida. Ao cultivar o hábito de fichar, os estudantes estão investindo em uma habilidade transferível que transcende os limites da sala de aula. A capacidade de organizar, analisar e resumir informações torna-se uma ferramenta valiosa em contextos profissionais, incentivando a excelência intelectual e a adaptação a desafios complexos.


À medida que nos comprometemos com essa abordagem, não apenas consolidamos nosso conhecimento no ambiente acadêmico, mas também construímos alicerces sólidos para um aprendizado contínuo e bem-sucedido ao longo de nossas jornadas educacionais e profissionais.


Clique aqui e conheça o FICHAMENTO DIGITAL DE ARTIGOS E LIVROS.


Fichamento Digital de Artigos e Livros

Comments


bottom of page